Ouça agora na Rádio

N Notícia

Polícia Civil indicia motorista do carro que provocou acidente fatal sábado à noite em Juína

FOTO: Divulgação

Polícia Civil indicia motorista do carro que provocou acidente fatal sábado à noite em Juína

Um acidente de trânsito com uma vítima fatal chocou a população da cidade de Juína no último sábado dia 06, onde a jovem Saiele Rodrigues de Souza de 20 anos de idade veio a óbito no local e deixou Josicleia Martins Barbosa, de 33 anos, gravemente ferida.

Segundo a polícia civil, o acidente foi provocado por um veículo Santana que bateu de frente a motocicleta em que Saiele estava jogando-a debaixo de um caminhão pipa da SINFRA de Juína, onde mesmo passou por cima do corpo da jovem causando o óbito.

A polícia civil vai apurar se Saiele estava sem capacete de segurança.

Através das investigações da polícia e de imagens de câmeras de segurança das residências existente na rua que passa em frente ao Juína Club, os investigadores chegaram até o condutor do veículo Santana André Carlos de Sá, de 28 anos, morador do bairro Palmiteira.

A equipe de policiais se deslocou hoje pela manhã até o endereço da casa do suspeito onde a esposa do mesmo se encontrava e também o veículo com as marcas do possível choque do acidente, porém ele foi localizado em outra residência na Avenida Joinville, e se prontificou a acompanhar os policiais até a delegacia municipal.

Em depoimento, André relatou que ao fazer a ultrapassem do caminhão pipa a motocicleta vinha no sentido oposto e não foi possível evitar a colisão, e que não parou para prestar socorro às vítimas porque estava com crianças no carro e temeu por sua vida.

O motorista foi indiciado por homicídio culposo no trânsito e lesão corporal culposa, ele vai responder em liberdade.

O delegado de polícia doutor Romildo Nogueira, explicou que não cabia prisão em flagrante ao condutor André e muito menos prisão preventiva por crime culposo.

Em relação ao condutor da motocicleta que levava as duas mulheres e também fugiu do local do acidente já foi identificado e deverá responder por omissão de socorro, ele se apresentará à polícia na quinta-feira.

A mulher que sobreviveu ao acidente permanece internada, ela sofreu traumatismo craniano e foi submetida a uma cirurgia ortopédica devido a uma fratura na perna, conforme informou o delegado de polícia doutor Romildo Nogueira.

FONTE: Juína News
Link Notícia