Ouça agora na Rádio

N Notícia

Idoso morre no Pronto-Socorro de Cuiabá após ser atacado por cobra jararaca

FOTO: TVCA

Idoso morre no Pronto-Socorro de Cuiabá após ser atacado por cobra jararaca

Um idoso morreu nessa segunda-feira (25) no Pronto-Socorro de Cuiabá após ser picado por uma cobra jararaca.

De acordo com a Polícia Civil, Aurelino de Santana, de 72 anos, morava na zona rural de Rosário Oeste, a 133 km de Cuiabá, quando foi atacado pela cobra.

Na ocasião, ele foi encaminhado para uma unidade de pronto atendimento da cidade. Logo em seguida, devido à gravidade do caso, o idoso fio encaminhado para Cuiabá.

A causa da morte foi choque séptico, quando um agente infeccioso, como bactérias, vírus ou fungo, entra na corrente sanguínea de uma pessoa. Essa infecção afeta todo o sistema imunológico.

A jararaca é uma cobra que chega a medir 1,2 metro. De hábitos noturnos, a jararaca é a cobra mais conhecida do gênero. Apesar de perigosa, sempre foge ao ser avistada. Aliás, coisa não muito fácil de acontecer é vê-la, graças à excelente camuflagem de sua pele (mesmo para olhos experientes).

Existem mais de 30 variedades deste gênero no Brasil. Uma coisa é certa: as jararacas são responsáveis por 88% dos acidentes com cobras no país.

Diante disso, todo cuidado é pouco ao andar pela mata e, de preferência, com botas.

De todo modo, dizem, é mais fácil ser picado por uma jararaca em um sítio mal cuidado ou em um lugar cheio de ratos do que na floresta.

FONTE: G1 MT
Link Notícia