Ouça agora na Rádio

N Notícia

Polícia Civil indicia 51 pessoas por organização criminosa

FOTO: PJC

Polícia Civil indicia 51 pessoas por organização criminosa

Cinquenta e uma pessoas foram indiciadas em conclusão de inquérito policial da operação "Mão Dupla", da Delegacia Especializada de Crimes Fazendários e Contra a Administração Pública (Defaz).

Os suspeitos de integrarem um esquema de compra e venda de Carteira Nacional de Habilitação (CNH) dentro do Departamento Estadual de Trânsito de Mato Grosso (Detran-MT) vão responder pelos crimes de corrupção ativa, corrupção passiva, inserção de dados falsos no sistema e organização criminosa.

A operação foi deflagrada em 05 de dezembro em cumprimento a 60 ordens judiciais, sendo 25 mandados de prisão preventiva e 35 buscas e apreensões em 8 cidades, incluindo o município de Juína. Os mandados foram expedidos pela 7ª Vara Criminal de Cuiabá.

O delegado Sylvio do Vale Ferreira Junior explica que além dos indiciamentos dos suspeitos também foram instaurados autos complementares para dar continuidade à investigação de fraudes na obtenção de CNHs. “Recebemos várias denúncias anônimas, além de procedimentos administrativos disciplinares do Detran indicando provável continuidade da prática delitiva por parte dos examinadores”.

A Defaz também recebeu, de outras unidades policiais do Estado, informações referentes a pessoas que procuraram espontaneamente à Polícia Civil para registrar boletim de ocorrência e entregar Carteira Nacional de Habilitação (CNH), confessando que adquiriram de maneira indevida o documento, nos mesmos moldes da investigação em andamento.

Os valores, que podiam variar de acordo com a condição financeira do candidato, eram pagos aos representantes das autoescolas, que por sua vez repassavam aos servidores da banca examinadora do Detran.

FONTE: Policia Judiciária Civil
Link Notícia